Um resultado de teste de paternidade é apresentado em relatório científico, havendo uma série de termos chave que deverão ser lidos, a fim de compreender plenamente o resultado quando recebê-lo. Neste artigo iremos discutir uma série de termos relacionados  aos resultados, bem como algumas questões importantes sobre quanto tempo o resultado de um teste de paternidade demora para ser liberado.

Quão precisos são os resultados do teste de paternidade?

Para entender a precisão dos resultados do teste de paternidade é preciso olhar para a probabilidade de paternidade. Este termo, por vezes abreviado como POP (Probability Of Paternity) é visto no relatório do teste de DNA. O POP mostra a probabilidade percentual que o suposto pai é o pai biológico da criança. Se o suposto pai for o pai biológico da criança, o resultado do teste de paternidade irá mostrar uma probabilidade de paternidade superior a 99,99%. Se o suposto pai não for o pai biológico da criança, o resultado mostrará probabilidade de paternidade de 0%. A Inclusão da amostra da mãe é geralmente recomendada em um teste de paternidade, uma vez que ajudará na precisão dos resultados. Tendo a amostra da mãe, os alelos (alelos são referidos mais abaixo neste artigo) irão ajudar os cientistas a identifica-los com os herdado pelo filho. No entanto, na maioria dos casos, as pessoas optam por fazer um teste de paternidade sem o DNA da mãe.

Quanto tempo demora o resultado do teste de paternidade?

O tempo de resposta pode variar de uma empresa para outra. Algumas empresas oferecem tempos de resposta muito curto, fornecendo resultados em 3 à 5 dias úteis, outras empresas podem levar mais tempo. A maioria das empresas oferecem testes de DNA expressos, o que torna possível ter os resultados em até 2 dias úteis. Os resultados dos testes de paternidade demoram dependendo do tipo de teste que está sendo realizado. Resultados de alguns testes de paternidade pode levar um número X de dias para estar pronto, mas outros podem demorar mais que o procedimento padrão e o laboratório precisará de mais tempo. Uma outra questão a ser levada em consideração: O tempo de espera pelo resultado deve ser contado desde o dia em que as amostras são recebidas no laboratório e registrados no sistema.

O que é um resultado parecido de teste de paternidade?

Não há nenhum modelo fixo/formato para os resultados do teste de DNA, e como os laboratórios são diferentes uns dos outros, eles podem usar diferentes modelos/formatos. Algumas empresas vão emitir resultados que decorrerá ao longo de várias páginas, enquanto outros vão apresentá-los em página única. Para os resultados dos testes de paternidade, o importante é sempre ser apresentado o resultado indicado abaixo: (embora o texto possa variar um pouco)

  • “O pai do alegado testado, AB, não pode ser excluído como sendo pai biológico da criança, XY, pois eles compartilham marcadores genéticos” (isso significa que o suposto pai é o pai biológico da criança)
  • “o pai do alegado testado, AB, é excluído como sendo pai biológico da criança, XY, pois eles não compartilham os mesmos marcadores genéticos” (isso significa que o pai testado não é o pai biológico da criança)

Alguns termos importantes apresentados em resultados de teste de paternidade

Alelo: Um gene pode ter mais de uma forma. Um alelo refere-se a uma dessas formas. Trata-se, em palavras simples, uma forma alternativa de um gene.

Marcadores genéticos: Herdamos metade de nosso material genético de nosso pai e outra metade de nossa mãe. Em um teste de paternidade, os analistas extraem o perfil de DNA mostrando em números de marcadores genéticos (ou loci genético) encontrados no DNA do suposto pai e filho. Cada marcador genético tem dois alelos, um alelo herdado da mãe e um herdado do pai. Vamos supor que temos realizado um teste de DNA de paternidade com a amostra da mãe. Um dos marcadores genéticos no lugar da criança exibe os dois alelos sendo um 10 e o outro 12. O perfil de DNA da mãe para esse mesmo marcador genético particular exibe alelos sendo um 12 e o outro 8. Podemos concluir que o alelo 12 foi herdado da mãe e o alelo 10 foi herdado do pai biológico da criança.

Se o pai testado alegado exibe mais de dois alelos que não correspondem aos alelos da criança, isso significa que o homem não é pai biológico da criança.

Pode ocorrer, em alguns casos, uma mutação em um gene que pode resultar em um alelo sem correspondência entre o perfil do pai e da criança. Isso poderia acontecer em casos onde a amostra da mãe não foi incluída, neste caso, a amostra da mãe será definitivamente requerida para fornecer um resultado mais conclusivo.

Todos os marcadores genéticos testados são exibidos em uma tabela e podem ser facilmente descobertos quais alelos são cruzados e quais alelos não.

Índice de paternidade: A probabilidade de um marcador genético ser passado para a criança pelo pai biológico alegado é medido contra o de outro homem não relacionado em uma população. Laboratórios têm um banco de dados que relaciona a distribuição e freqüência de alelos em uma população e usam isso para descobrir o índice de paternidade.

Índice de Paternidade Combinado: Para cada um dos loci (marcadores genéticos) testados, os cientistas usam o índice de paternidade e multiplicam todos juntos (se, por exemplo, 15 loci são testados, haverá uma multiplicação de todos os 15 índices de paternidade). Esta multiplicação é referida como o Índice de Paternidade Combinado. O índice de paternidade combinado ou CPI (Combined Paternity Index) mostra quantas vezes é mais provável que o pai testado seja o pai biológico da criança, quando comparado a outro homem aleatório da mesma origem étnica.

O teste de paternidade é um fator determinante nas escolhas que você faz. Se você tiver qualquer problema, a empresa de testes de DNA irá esclarecer todas as suas dúvidas sobre o seu resultado do teste de paternidade.